domingo, 1 de junho de 2014

MUDANÇA

Há alturas em que somos obrigados a afastar-nos, a fazer um interregno, a deixar de lado grande de parte das coisas que fazemos habitualmente.
Umas vezes isso acontece porque temos demasiado trabalho ou afazeres que requerem a nossa atenção, outras porque precisamos parar, meditar, refletir para escolher novos caminhos ou para dar novos suportes e contornos aos que já trilhamos, outras, ainda, porque perdemos as forças, o estímulo, a motivação ou a coragem. Mas, existem outras em que o fazemos porque acontecem grandes,  importantes e inesperadas mudanças nas nossas vidas.
Normalmente, grandes mudanças provocam ansiedade, medo, resistência e implicam uma série de novas atitudes, opções e tarefas.
Resistimos à mudança, se não por atos, pelo menos por emoções e sentimentos. E, essa mudança passa a ocupar quase por completo a nossa mente, espírito e coração, deixando apenas espaço para o essencial.
Foi esta última que me manteve silenciosa e afastada do mundo dos blogs. Uma enorme mudança na minha vida transformou-se na principal prioridade.
Hoje, os pilares fundamentais desta mudança ficaram assentes, permitindo assim que na minha mente e espírito se criasse o espaço suficiente para voltar aqui.
Hoje, "acidentalmente" deparei-me, no facebook, com o seguinte post de "Ampliando o Olhar"

"Na vida, tudo muda constantemente. E nós precisamos aprender a lidar com as mudanças. As pessoas resistem à mudança por medo de perder. Mas mudar não é perder. Entenda a mudança como um convite à evolução. Deixamos a infância para ganhar a adolescência. Depois, deixamos a adolescência para ganhar a vida adulta. O trabalho é o ambiente favorito da mudança. Mudam os processos, mudam as pessoas, tudo muda. Resistimos em abandonar nossa "zona de conforto" e enfrentar os aspectos desconhecidos trazidos pela mudança, pois mudar exige abandonar o apego ao já conhecido. Exige esforço, disciplina e coragem. Exige reaprender. Mas lembre-se: os mais sábios mudam mais cedo. Mudar é um processo inteligente e é preciso inteligência para mudar. As possibilidades em nossa vida aumentam ou diminuem na mesmo proporção de nossa coragem de mudar. Veja sempre a mudança com os olhos da oportunidade. Reflita sobre os benefícios que ela oferece. Só podemos estar em duas posições com relação a mudança: procurando conduzi-la de forma consciente ou resistindo e sendo arrastado por ela. 
Busque sempre a primeira, seja agente da mudança."
posted by Na Terra dos Budas



UBUNTU - "Eu sou porque nós somos"

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os seu comentários, sugestões, pedidos de partilha, etc. são, para além de muito bem-vindos, essenciais para que seja possível atingir os objetivos para os quais este blog foi criado.