sábado, 14 de novembro de 2015

EN DEUIL



Quando não se tem poder bélico para fazer uma guerra, utiliza-se a inteligência.
Nem todas as invasões são armadas.
Quem atira milhares dos seus próprios irmãos para a morte, o que fará aos outros com quem não tem qualquer ponto de contacto?
Quem tiver olhos que veja...
Quem tiver ouvidos que oiça...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os seu comentários, sugestões, pedidos de partilha, etc. são, para além de muito bem-vindos, essenciais para que seja possível atingir os objetivos para os quais este blog foi criado.